Imagens e Gifs de Domingo de Ramos

Neste domingo é celebrada a abertura da semana Santa. Que tal participar de procissões com a comunidade e levar consigo alguns ramos de oliveira ou de palmeira?

Domingo de Ramos O evangelho...

Domingo de Ramos O evangelho de nosso senhor Jesus Cristo sendo São Marcos Mc 14,1-15,47 Convida-nos a contemplar a paixão e morte de Jesus: É o momento supremo de uma vida feita de dom e serviço, a fim de libertar os homens de tudo aquilo que gera egoísmo e escravidão. Na cruz, revela-se o amor de Deus. Esse amor que não guarda nada para si, mas que se faz dom total. (in Dehonianos)

Domingo de Ramos O domingo de ramos pode ser chamado também de "Domingo de Ramos e da Paixão do Senhor", nele, a liturgia nos relembra e nos convida a celebrar esses acontecimentos da vida de Jesus que se entregou ao Pai como vítima perfeita e sem mancha para nos salvar da escravidão do pecado e da morte. Crer nos acontecimentos da paixão, morte e ressurreição de nosso senhor Jesus Cristo, é crer no mistério central da nossa fé, é crer na vida que vence a morte, é vencer o mal, é também ressuscitar com Cristo e, com Ele vivo e vitorioso viver eternamente. É proclamar, como nos diz São Paulo: "Jesus Cristo é o Senhor", para a glória de Deus Pai"

Domingo de Ramos Neste dia, nos relata João 19, 29-30, que Jesus pede a seus discípulos que vão a uma aldeia pegar um jumentinho para que ele entrasse em Jerusalém conforme as escrituras previam. Conta-nos João 19, 36, que ainda no caminho para Jerusalém o mestre já era aclamado e as pessoas o saldavam e colocavam seus mantos para que Jesus passasse.

Domingo de ramos O domingo de ramos abre solenemente a semana santa, com a recordação da entrada de Jesus Cristo em jerusalém, poucos dias antes de morrer. O domingo é de "ramos" porque o povo que recebeu Jesus cobriu o chão com folhas, ramagens de oliveiras e palmeiras para que ele passasse, montado em um jumento. Jesus era aclamado por todos: "Rei dos Judeus", "Hosana ao filho de Davi", "Salve o messias"

Domingo de Ramos O domingo de ramos abre por excelência a semana santa. Relembramos e celebramos a entrada triunfal de Jesus Cristo em Jerusalém, poucos dias antes de sofrer a Paixão, morte e ressureição.

Domingo de ramos A entrada de Jesus em Jerusalém, no domingo de Ramos, patenteia quanto o povo o apreciava incompletamente. Aclamavam-no, é verdade, mas Ele merecia aclamações incomensuravelmente superiores, e uma adoração bem diversa! Humildemente sentado num burrico, ele atravessava aquele povo, impulsionando todos ao amor de Deus.

Domingo de Ramos O domingo de Ramos abre solenemente a semana santa, com a lembrança das palmas e da paixão, da entrada de Jesus em Jerusalém e a liturgia da palavra que evoca a Paixão do Senhor no evangelho de São Lucas.

Domingo de ramos na multidão que acolhe Jesus, há pobres, doentes, oprimidos. Ao verem Jesus, recobram a esperança e gritam: "Hossana", isto é, "Por favor, salva-nos!"

A semana santa tem início no "Domingo de Ramos", que é assim chamado porque celebra a entrada de jesus em Jerusalém, montado em um jumentinho - o símbolo da humildade - e aclamado pelo povo simples que o aplaudia como "Aquele que vem em nome do Senhor".

Domingo de Ramos "o Domingo de ramos nos ensina que seguir o Cristo é renunciar a nós mesmos, morrer na terra como o grão de trigo para poder dar fruto, enfrentar os dissabores e ofensas por causa do evangelho do Senhor. Ele nos arranca das comodidades, das felicidades para nos colocar diante daquele que veio ao mundo para salvar este mundo." Prof. Felipe Aquino.